Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Fluoxetina emagrece?

A Fluoxetina é um medicamento recomendado a diversos pacientes que sofre crises de depressão e ansiedade. Além disso, pessoas com problemas de bulimia nervosa e transtorno obsessivo compulsivo (TOC), muitas vezes, realizam um tratamento com esse medicamento para o controle dessas doenças, pois o remédio fornece a sensação de bem-estar e ajuda na mudança de humor além de controlar outros sintomas causados pelas doenças. Isso ocorre porque a Fluoxetina incentiva na receptação da serotonina, uma substância responsável pela sensação de prazer, controlando a ansiedade do paciente. Esse medicamento só deve ser usado através da indicação de um profissional da saúde, evitando seu uso de forma inapropriada.

Fluoxetina ajuda na perda de peso:

Muitas pessoas costumam utilizar a Fluoxetina para controlar as doenças psicológicas, porém um dos efeitos mais observados é a diminuição de peso. Por isso, esse antidepressivo ajuda os pacientes a emagrecer, no entanto, ele não é um medicamento que atua diretamente na eliminação de gordura ou no controle do apetite. Os pacientes que conseguem perder peso com a ajuda da Fluoxetina conseguem esse resultado devido ao controle da ansiedade, pois muitas vezes, a pessoa que sofre com crises de ansiedade e depressão possuem o hábito de comer exageradamente, fazendo com que o peso aumente. Muitas pessoas acreditam que o remédio contribui com a eliminação da gordura, mas isso é mito, visto que não há substância alguma contida no medicamento que causa esse efeito. Por isso, a Fluoxetina deve ser tomada apenas para obter os resultados esperados em relação aos problemas psicológicos e com a orientação de um profissional, pois alguns efeitos colaterais podem surgir ao indivíduo que usa Fluoxetina.

Efeitos colaterais:

Como foi dito, a Fluoxetina pode causar alguns efeitos desagradáveis em alguns pacientes, por isso seu uso deve ser controlado e observado cuidadosamente. Caso apareçam alguns sintomas desconfortantes, é recomendado diagnosticar cada causa ao médico para controlar o problema. Dentre os efeitos colaterais, podem surgir:

• Boca seca: alguns antidepressivos costumam causar esse efeito. O paciente começa a sentir que a boca fica mais seca, trazendo certo desconforto.

• Sonolência: é comum esses remédios causarem sonolência, o que ajuda algumas pessoas com problemas de insônia.

• Irritabilidade: alguns pacientes começam a ficar mais irritados por causa do uso contínuo do medicamento.

• Enjoo: geralmente pacientes que possuem o estômago mais sensível pode apresentar enjoos com o uso de Fluoxetina.

• Confusão mental: esse efeito colateral não é muito comum, porém há relatos de pacientes que adquiriram esse problema com o uso do medicamento.

As mulheres que fazem o uso desse antidepressivo, além dos efeitos colaterais citados acima, podem apresentar:

• Aumento do leite materno: caso a mulher esteja amamentando, é comum observar um aumento na produção do leite.

• Sangramento: algumas mulheres passam a ter sangramento vaginal fora do período normal de menstruação.

Esse medicamento não deve ser utilizado para controle do peso, pois seus efeitos podem ser mais intensos e provocar problemas graves com o uso inadequado. Por isso, as pessoas que desejam apenas emagrecer e não possuem doenças das quais o medicamento é indicado, deve procurar orientação de um nutricionista para analisar o regime mais adequado à sua situação. Além disso, a mistura de uma boa dieta com exercícios físicos ajuda na eliminação de peso, na melhora do condicionamento físico e na obtenção de uma vida mais saudável, proporcionado bem-estar e resultados surpreendentes.

 

 Por Danielle Pereira