Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

As implicações preocupantes da obesidade

Nos Estados Unidos e no resto do mundo industrializado, estamos criando uma geração de crianças que provavelmente não irão chegar aos setenta anos. A obesidade no mundo desenvolvido tem um sério impacto em todas as idades, sexos e grupos étnicos. Nos EUA mais de 30 por cento dos adultos e 15 por cento das crianças têm um IMC de mais de trinta, e dois terços da população está acima do peso. Parece que todos estamos engordando em um ritmo alarmante e isso tem implicações graves para a saúde futura da humanidade.

As causas da obesidade

A pessoa ganha peso quando ingeri mais calorias do que pode gastar em energia. Simplificando, a epidemia da obesidade é o resultado do fato de que comemos demais e fazemos muito pouco exercício. Nós trabalhamos em escritórios, onde nos sentamos em uma mesa o dia todo e depois vamos para casa assistir televisão no sofá à noite toda. Nossos filhos jogam videogames em casa ao invés de ir para rua jogar bola, brincar de correr, entre outros. Em vez de cozinhar alimentos saudáveis e nutritivos em casa, nós comemos em restaurantes de fast food ou pedimos uma pizza para comer em casa. A maioria de nós consumimos porções enormes e não paramos de comer quando estamos saciados. Como resultado, armazenamos mais gordura corporal do que é saudável para nós.

Condições de saúde relacionadas

A obesidade em geral está tendo um impacto devastador na saúde das pessoas neste país. Na verdade, há trinta problemas de saúde que estão associados com a obesidade. O elo mais preocupante para a obesidade é o diabetes. Cerca de 16 milhões de americanos têm diabetes tipo dois e mais da metade deles nem mesmo sabem disso. O diabetes é a sétima maior causa de morte nos Estados Unidos. A epidemia da obesidade também está causando uma maior prevalência de doenças cardiovasculares e hipertensão nos Estados Unidos.

O que podemos fazer

Se você está assustado com as consequências da obesidade e a quantidade de pessoas obesas, você pode pelo menos garantir que você, pessoalmente, faça algo para reverter isso. Se o seu IMC é superior a 25 é preciso reduzi-lo para o bem da sua saúde. Você pode reduzir o seu IMC, seguindo um plano de dieta saudável de calorias controladas, evitando o fast food e aumentando a quantidade de exercício que você faz. Se você tem filhos você também pode tomar medidas para mudar a sua vida para melhor, e educá-los sobre uma alimentação saudável. Se todos nós fizermos a decisão de comer melhor e fazer mais exercícios, podemos contribuir para reduzir a epidemia da obesidade e evitar que ela se torne pior do que já é.