Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Vitaminas Para o Cérebro

Vitaminas Para o Cérebro

De acordo com pesquisadores com o passar dos anos e o envelhecimento dos seres humanos, pode ocorrer uma perda da capacidade cognitiva com alterações na memória. Porém, vale a pena ressaltar que o cérebro humano é susceptível às ações do meio ambiente, ou seja, se a pessoa adotar um estilo de vida em que vivencia habitualmente situações estressantes, não participa de nenhum tipo de exercício físico, ingere bebidas alcoólicas em excesso, se alimenta de maneira inadequada com alimentos muito gordurosos ou ricos em açúcares ou fazem uso de drogas ilícitas, todos esses fatores em conjunto ou mesmo isolados podem danificar as células do cérebro humano comprometendo assim seu bom funcionamento. No entanto, já foi comprovado cientificamente que as vitaminas exercem um papel de extrema importância para a preservação das funções cerebrais nos indivíduos. Vejamos como isso ocorre e como atuam as principais vitaminas no cérebro.

Vitamina A

De acordo com pesquisas realizadas a vitamina A atua como um antioxidante poderoso pois age como proteção das membranas dos neurônios que são as células do cérebro humano que por serem muito frágeis sofrem às agressões dos radicais livres. Uma outra forma de atuação da vitamina A, segundo estudos científicos no organismo humano é no sistema sanguíneo onde ela pode reduzir o perigo de ocorrer um derrame cerebral ou um infarto no coração.

Os especialistas informam que  além dessas funções a vitamina A consegue neutralizar a poluição no meio ambiente incluindo os efeito nocivos da fumaça de tabaco reduzindo seus efeitos nocivos no corpo humano. Em mulheres gestantes a dosagem dessa vitamina deve ser prescrita com muito cuidado pelos médicos pois foi relatado casos de mal formações congênitas no feto com a ingestão de doses muito elevadas  de vitamina A.

Vitaminas do Complexo B

De extrema importância para o desenvolvimento saudável das células do cérebro, as quatro vitaminas do complexo B atuam da seguinte maneira:

  • Vitamina B12: De acordo com pesquisas científicas a carência de vitamina B12 no organismo humano pode resultar no quadro clínico de diminuição da capacidade do cérebro que estão associadas ao envelhecimento dos seres humanos como por exemplo: uma memória fraca, redução do raciocínio. Isso ocorre em virtude do ácido clorídrico responsável por degradar no estomâgo a vitamina B12 diminuir no corpo humano com  o passar dos anos.
  • Vitamina B6: Segundo especialistas a Vitamina B6 tem a importante função de auxiliar na conversão do açúcar acumulado na forma de glicose no corpo humano que é essencial para as funções cerebrais, além de atuar na proteção dos vasos da corrente sanguínea prevenindo os problemas de coração. Devido aos seus efeitos benéficos comprovados no sistema circulatório dos indivíduos a vitamina B6 consegue melhorar a memória que é uma função muito importante do cérebro.
  • Vitamina B1: Também conhecida como Tiamina, a vitamina B1 faz parte de diversos processos do sistema nervoso periférico nos indivíduos e no metabolismo no cérebro humano, atuando como antioxidante bem potente pois consegue potencializar a capacidade das vitaminas E e B6 de degradar os radicas livres prejudiciais ao organismo.
  • Ácido Fólico: Os pesquisadores relatam  que o ácido fólico pode atuar no alívio de sintomas de depressão nos seres humanos, intensificando a circulação do cérebro dos indivíduos. O ácido fólico é de  extrema importância pois destrói uma substância tóxica que pode causar as artérias do cérebro denominada homocisteína.
  • Vitamina B3: Também conhecida como niacina a vitamina B3 tem a capacidade de fazer a conversão de carboidratos em glicose , reduzir os níveis altos de colesterol e ainda auxilia na síntese de neurotransmissores cerebrais. Por potencializar a eficácia do neurotransmissor conhecido como GABA possui um efeito calmante para os seres humanos.
  • Vitamina B5: Essa vitamina é essencial para a produção de um neurotransmissor chamado acetilcolina que atua na função da memória no cérebro humano.

Vitamina C

Segundo especialistas a importância da Vitamina C para o cérebro está na sua capacidade de potencializar a ação antioxidante das outras vitaminas. Além disso, participa na síntese de diversos neurotransmissores entre eles  a noradrenalina, a dopamina e a acetilcolina que são importantes para a função intelectual nos seres humanos. Em virtude dessa atuação a vitamina C foi alvo de estudos científicos sobre possíveis agentes preventivos contra o Mal  de Alzheimer.

Vitamina E

A principal importância da Vitamina E, é proteger as células do cérebro humano de possíveis danos causados por agressões dos radicais livres. Além disso a Vitamina E atua na recuperação de neurotransmissores responsáveis pelas recepções dos impulsos nervosos que ficam localizados nos neurônios, auxiliando também   na prevenção da deterioração cerebral.

Para usufruir de todos os benefícios que as vitaminas são capazes de oferecer ao cérebro humano é recomendado uma consulta a um profissional de nutrição, para que seja prescrita uma dieta alimentar que inclua todos esses nutrientes.

Por Salete Dias