Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Alimentação para quem faz exercícios físicos

A alimentação para quem faz exercícios físicos deve ser ampla e equilibrada entre os diversos nutrientes encontrados nos alimentos, como as vitaminas, minerais, gorduras e proteínas. Pois, cada um deles tem um papel diferente no organismo:

  • Reparação e produção de tecido muscular – proteínas;
  • Aumento de energia para o organismo – carboidratos;
  • Manutenção e uso de energia pelos tecidos – vitaminas;
  • Equilíbrio das funções vitais do corpo humano – minerais;
  • Saúde das membranas que revestem as células – lipídios.

Deixando claro que essas são funções individuais de cada tipo de alimento, mas existem muitas outras.

É muito importante que os praticantes de exercícios físicos tenham consciência da importância nutricional de cada alimento e, pensando nisso, esse artigo, vem ajudar nessa tarefa, abordando vários temas, de forma simples e acessível para qualquer pessoa.

Nos dias atuais, a prática de exercícios físicos e a alimentação equilibrada são a forma mais simples de evitar as doenças da vida moderna, como o diabetes, hipertensão e obesidade, entre outras. E como é fornecida a energia que o corpo precisa para exercer todas as suas funções?

Essa energia, necessária para andar, falar e respirar, vem da alimentação. Por isso é muito importante que as pessoas saibam escolher o que vão comer, equilibrando todos os nutrientes que falamos no início desse post. Além disso, para a prática de atividades físicas, é imprescindível que a pessoa mantenha uma boa hidratação. Sempre se hidrate, mesmo que não esteja sentindo sede. O uso de isotônicos é importante, além da ingestão de água.

Você deve se alimentar uma hora antes da prática da atividade física, especialmente com carboidratos, que vão lhe dar mais energia. Depois do exercício, consuma novamente carboidratos, acrescidos de proteínas, para recuperação do tecido muscular.

Lembrando que em muitas academias, o uso de suplementos alimentares é vasto. Mas nunca se automedique com suplementos, sempre vá ao médico e faça uma avaliação se existe realmente essa necessidade. Pois esse tipo de produto pode causar sérios danos ao organismo. Lembre-se que caso você não cuide de sua saúde, de nada vai adiantar se exercitar tanto.

Alimentação saudável

Um dos maiores investimentos que o indivíduo é capaz de fazer, é colaborar para o seu bem-estar. Três refeições com alimentos saudáveis devem ser priorizadas por todos indivíduos, inclusive por aqueles que trabalham fora durante todo o dia, é importante que a pessoa tenha sempre consigo algo saudável para comer, pois na hora em que a mesma sentir fome, não será preciso recorrer as “bobagens” que estão facilmente disponíveis. As opções de alimentos incluídos no plano de dieta são tomadas a partir de uma variedade de carnes magras, peixes, grãos integrais, verduras e gorduras saudáveis.

O café da manhã é a primeira refeição do dia, e é de extrema importância, pois essa refeição vem depois de um longo período de jejum. Alguns gostam de chamá-lo de pequeno-almoço devido a sua importância. Essa refeição deve começar com os alimentos que garantem energia, que são os carboidratos, no entanto outros grupos alimentares também devem ser contemplados.

Refeições que são ricas em fibras, em minerais e quantidade mínima de gordura saturada, ajuda a baixar a pressão sanguínea. O nosso padrão alimentar é decidido por uma mistura de influências individuais, sociais e culturais. Vale ressaltar que as refeições e bebidas fornecidas por meio de redes públicas de ensino, devem atender a certas regras nutricionais, mediante a fiscalização do repasse da verba federal.

Alimentar-se de forma saudável não significa que você tem que sacrificar tudo aquilo que você gosta. Alguns alimentos podem ser consumidos esporadicamente e em pequenas quantidades, sem prejudicar a saúde do indivíduo. É notável que quando o indivíduo aumenta o seu conhecimento a cerca de uma alimentação e de uma vida saudável, ele pode vir a melhorar sua dieta de forma que com o passar do tempo, a própria pessoa acostuma-se a fazer escolhas cada dia mais saudáveis.

A alimentação adequada para quem faz exercícios físicos, deve ser apenas uma etapa de todo um projeto de vida saudável.