Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Uma boa alimentação para a nutrição esportiva infantil

Olá, leitores! Todos nós sabemos que uma alimentação saudável é uma grande aliada para viver mais e de maneira melhor, não é verdade? E também sabemos que os hábitos alimentares começam na infância, Bem nosso tema de hoje é sobre uma boa alimentação para a nutrição esportiva infantil.

Em virtude de que muitos pais incentivam seus filhos desde pequeninos a desempenhar e prática alguma atividade física, resolvemos escrever esse artigo, para guiar aqueles que tem dúvidas sobre a alimentação ideal para o atleta infantil, tendo em vista que é nessa fase em que as crianças estão no processo de desenvolvimento mental e físico.

E como os pais são seus principais incentivadores, e como as crianças vêem como um espelho e por conta disso, começam a seguir os seus hábitos alimentares. Por isso é importante que os pais façam com que as crianças esportistas sejam incentivadas a ingerir alimentos que ofereçam quantidade suficiente de energia, a fim de que elas tenham bom desempenho e performance nas suas atividades físicas.

Hidratação

Os líquidos e os sais minerais são extremamente importantes para manutenção da saúde do corpo, pois ajudam a regular a temperatura do mesmo. Quando uma criança pratica esporte seu sistema muscular começam a gerar calor e logo após alguns minutos começam a transpirar. E é justamente nessa etapa que o corpo expele os líquidos e os eletrólitos reservados nos órgãos do organismo.

Por isso é importante manter a criança hidratada, a fim de repor os líquidos e sais minerais utilizados no exercício. As crianças tendem a beber água quando começam a sentir sede, isso não é um bom sinal, pois esse alerta já é o aviso de que o corpo já está desidratando.

Bem, é importante que os pais expliquem ao atleta infantil a importância da hidratação antes, durante e ao término das sua atividades físicas.

A dieta ideal para o esportista infantil é rica de diversos tipos de alimentos, entre eles estão os legumes, as verduras, as hortaliças e as frutas. Além de conter também nutrientes como, carboidratos, proteínas, sais minerais, e as vitaminas.

Se for preferível, recomendamos que consulte um profissional, neste caso um nutricionista pois é ele quem indicará a melhor dieta para prática esportiva infantil.

Esse especialista irá analisar alguns fatores como, duração da atividade, frequência da atividade e ainda os aspectos dos metabolismo da criança. E a partir disso, irá elaborar uma dieta rica em alimentos saudáveis. E que tenham tantos os nutrientes necessário para o processo de crescimento e desenvolvimento mental e físico, quanto para obter bons resultados nas atividades.

Essa dieta é feita de modo individual, isto é, a dieta do atleta infantil que pratica esporte A, não é a mesma para o atleta que pratica atividade B. Uma boa nutrição é fundamental para a boa desenvoltura no esporte.

Exercícios na infância? Dê brinquedos ao seu filho!

Segundo estudos americanos, crianças tornam-se mais ativas fisicamente em suas atividades quanto maior a quantidade de brinquedos à sua disposição. Esse estudo foi realizado pela American College of Sports Medicine, que observou 36 crianças, de 8 a 12 anos, em atividades de lazer envolvendo brinquedos.

Elas foram separadas em grupos, de acordo com o sexo, e lhes foram disponibilizadas quantidades diferentes de brinquedos. Após 60 minutos de diversão (e muito monitoramento das atividades e da frequência cardíaca), os pesquisadores confirmaram que grupos com acesso a mais brinquedos tiveram até o dobro de tempo de diversão em relação a grupos com menor quantidade de brinquedos.

Se considerarmos a grande quantidade de casos de obesidade infantil, percebemos a importância que tal pesquisa possui. Isso nos demonstra que com algumas atitudes, como oferecer mais brinquedos às crianças, podemos ter bons resultados no combate à obesidade. Além disso, as escolas podem oferecer brinquedotecas com maior quantidade e variedade de brinquedos, incentivando assim seus alunos a uma diversão mais ativa.