Nutrição em Foco

Porque sua saúde vem em primeiro lugar!

Nutrição em Foco Infância Cuidados com a alimentação infantil

Cuidados com a alimentação infantil

A alimentação é fundamental para o crescimento e desenvolvimento da criança tanto no aspecto mental quanto físico. Sabe-se que a infância é um período onde os hábitos alimentares são formados, dessa forma a participação dos pais ou responsáveis é decisiva nesse processo que influencia as futuras escolhas alimentares. Não adianta os pais desejarem que os filhos apresentam hábitos alimentares saudáveis, quando a referência no ambiente familiar dita o contrário, é importante que a dieta dos pais sirvam como modelo positivo para a qualidade da alimentação dos filhos.

Os cuidados com a alimentação infantil devem ser levados em consideração mediante a importância da alimentação na vida das crianças. A deficiência de vitaminas e minerais durante a infância pode comprometer o desenvolvimento da criança durante toda a sua vida, como é o caso de déficit no crescimento e problemas na formação óssea.  Os cuidados com a alimentação da criança deve abranger não só os alimentos que são consumidos em casa, mas também na escola e em locais de passeio.

Cuidados com a alimentação infantil

O consumo de alimentos como frutas, verduras e legumes deve sempre ser incentivado. As frutas podem ser consumidas como sucos ou em sua forma natural, é importante a criança se acostumar a comer frutas principalmente nos lanches , o hábito de lanchar sempre biscoitos e salgadinhos deve ser evitado. É comum encontrarmos resistência por parte das crianças em consumir verduras e legumes, no entanto é importante utilizar a criatividade nesse momento, existem muitos pratos feitos com legumes que imitam a rostinho de uma pessoa, além disso o colorido proporcionado pelos legumes, pode atrair a criançada à consumir esses alimentos.

Muitas vezes a criança apresenta uma certa preferência por alimentos como biscoitos recheados, salgadinhos, sucos industrializados, balas, entre outras guloseimas. Neste caso, é fundamental que os pais evitem levá-los ao supermercado, pois com certeza os pedidos por esses alimentos serão constantes. Quando os pais não adquirem esses alimentos, consequentemente os filhos não irão comê-los. É importante frisar, que é necessário que esses alimentos sejam evitados, no entanto eles podem ser consumidos esporadicamente, mas nunca com frequência. Isso porque esses alimentos apresentam em sua composição uma quantidade significativa de açúcares, gorduras e sódio que a longo prazo pode prejudicar a saúde da criança bem como causar obesidade.

A alimentação da criança deve abranger todos os grupos alimentares, pois é fundamental que ela consiga ingerir carboidratos, proteínas, lipídios, vitaminas, minerais e fibras em proporções adequadas. Cada nutriente irá desempenhar um papel importante no organismo, portanto é importante evitar qualquer tipo de deficiência nutricional que com certeza irá prejudicar o desenvolvimento infantil.

As fibras podem ser obtidas através das frutas, verduras, legumes bem como dos alimentos integrais. As fibras são importantes porque elas evitam um problema muito comum em crianças que é a constipação intestinal. Através do consumo de alimentos fonte de fibras é possível obter uma melhora no funcionamento intestinal.

Como foi dito no início deste artigo, é importante ficar atento também ao que a criança está comendo fora de casa. Por exemplo, é fundamental colocar um lanche saudável na lancheira que a criança levará para a escola. É sempre melhor que a criança leve o próprio lanche de casa, pois nem todas as escolas dispõe de uma lanchonete com opções de lanches saudáveis. Na lancheira pode-se incluir alimentos como: suco natural, frutas práticas (como maçã, uva, banana ou pera), biscoitos ( preferencialmente sem recheio), pedaço de bolo, sanduíche natural, iogurte entre outros. É importante frisar que uma lancheira térmica é ideal para conservar os alimentos.

Considerações finais

Os cuidados com a alimentação infantil são inúmeros e envolvem não só a dieta da criança, mas também o comportamento da família em relação aos alimentos. Além da infância ser uma fase que exige muito da alimentação, é também na infância onde as preferência e escolhas alimentares serão formadas. Dessa forma, enfatiza-se a importância de variar a alimentação infantil bem como de apresentar e incorporar na dieta dos pequenos, alimentos saudáveis.

A obesidade infantil é hoje em dia, uma realidade cruel que atinge milhares de crianças, trazendo sérias complicações a saúde dos mesmos. Preocupar-se com a alimentação dos filhos, é uma forma também de demonstrar o amor e preocupação que os pais sentem por eles. Quando a alimentação da criança é equilibrada e saudável, já foi dado um grande passo para que ela se torne no futuro um adulto saudável.

 

TopBack to Top