Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

A luta das escolas contra a obesidade

Muitas escolas decidiram entrar na luta contra a obesidade. Essa doença atinge cerca de 15 % de crianças por ano, os especialistas já afirmam que hoje é comum encontrar crianças apresentando problemas de saúde que antes só eram encontrados em pessoas adultas como hipertensão e altas taxas de gordura e açúcar no sangue.

O papel da escola na vida da criança é importantíssimo bem como os hábitos e os ensinamentos expostos por ela. Na tentativa de intervir nos problemas que a obesidade causa, algumas escolas adotaram medidas extremas como probibir a entrada de certos alimentos considerados não saudáveis pela escola.

A medida é polêmcia e considerada errada por alguns pais, já outros entendem e concordam com a instituição. Em algumas escolas os alunos que levam biscoitos recheados, refrigerantes, doces e salgadinhos são orientados a levá-los de volta para casa e os outros alunos dividem o lanche. Já em outras escolas o aluno é orientado a comer a parte saudável do lanche e leva para casa um aviso lembrando aos pais as regras da escola.

O mais importante é a orientação que deve ser transmitida não só aos lunos mas também aos pais sobre a importância de uma alimentação saudável. A partir da conscientização das duas partes envolvidas na situação a medida será aceita e utilizada também em casa. Quando os pais não colaboram para uma boa educação alimentar dos filhos, a escola acaba sem atingir o real objetivo que é fazer com que o aluno adquira bons hábitos alimentares que devem ser formados na infância.

Os perigos da obesidade incluem hipertensão arterial, problemas no coração, diabetes, aumento do colesterol entre outros. O lado psicológico do obeso também é muito afetado pela doença; dificuldades de relacionamentos e auto estima baixa são comuns em pessoas obesas.

A tentavia da escola em fazer com que os alunos alimentem-se de forma saudável é válida. Mesmo que eles não encontrem apoio para manter esse hábito em casa, a semente da boa alimentação é plantada mesmo que por somente algumas horas na escola. A partir do momento em que os pais se conscientizarem da importância de uma dieta saudável para as crianças o mundo de uma forma geral será bem mais saudável.