Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

O Papel do Leite Materno

Alimentar-se para sobreviver é essencial ao ser humano. Na infância deve ser estabelecido bons hábitos alimentares que irão fazer parte de toda a vida do indivíduo.

O papel do leite humano merece destaque na nutrição infantil. O leite materno supre as necessidades nutritivas das crianças quanto ao tipo de alimento, mecanismo de excreção e defesa contra alergias e infecções.

As vantagens do leite humano têm sido evidenciadas no desenvolvimento infantil, com melhor nível de inteligência em crianças amamentadas ao seio.

A mãe deve sempre ter confiança sobre sua capacidade de amamentar. É comum o atraso na ejeção do leite ou a inibição temporária, esse fato não pode ser interpretado como justificativa para a introdução de mamadeira suplementar. A criança está apta para a amamentação após o nascimento, é importante encontrar uma posição adequada para mãe e filho. O lactente deve procurar o seio materno, abrir de forma ampla a boca e fixar-se firme ao seio até obter uma mamada vigorosa antes de dormir.

A mãe deve preparar-se para a amamentação desde o início da gestação através de uma alimentação adequada e do estímulo ao aleitamento materno. Para que a amamentação seja mantida com êxito devem ser abolidos fatores como horários fixos para as mamadas, posicionamento incorreto da criança, fornecimento de líquidos (água, chás, outro tipo de leite) e o uso de objetos orais, pois eles limitam a eficiência da sucção pelo lactente.

 A Organização Mundial da Saúde recomenda o aleitamento materno exclusivo, isto é, somente leite humano de 4 a 6 meses e complementado com outros alimentos até os 2 anos de idade.