Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Nutrição na gestação

A gravidez promove uma série de mudanças nos aparelhos reprodutor, cardiocirculatório, digestivo, respiratório, urológico, ósteo-articular e ainda modificações endócrinas, hematológicas, metabólicas e mamárias, estas exigem um maior consumo de nutrientes.

A oferta de nutrientes disponibilizada ao organismo materno é necessária para que ocorra o desenvolvimento e crescimento do feto. As proteínas são utilizadas para formação dos anexos fetais (placenta, membranas e líquido aminiótico). A glicose é a principal fonte energética utilizada pelo feto, ela fica armazenada sob forma de glicogênio.

A dieta da gestante não deve apresentar quantidade deficiente de glicídeos. Não é recomendado exagerar no consumo de carboidratos, é importante lembrar que os lipídeos têm pouca influência no crescimento fetal. Recomenda-se á gestante um aumento no consumo de vitaminas, cuja falta pode ser responsável por malformações congênitas, já os minerais têm sua importância diretamente relacionada ao crescimento fetal.

A gestante deve ser orientada para que haja uma ingestão balanceada de alimentos, sabendo-se que o crescimento do feto dar-se-á através das reservas nutricionais maternas.