Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

O enxofre

O enxofre pode ser definido com um elemento químico e não metálico, insolúvel em água, frágil e apresenta uma cor amarela que o caracteriza muito bem, sendo conhecido desde épocas remotas onde  os povos romanos e também os gregos o utilizavam para aproveitar o vapor produzido pela sua combustão para clareamento de tecidos, além de  usá-los em fumigações ( Aplicação de inseticidas em forma líquida ou sólida que em contato com o ar transforma-se em gás e é utilizado para exterminar pragas em geral).

O enxofre é conhecido por possuir uma propriedade denominada de alotropia que é a capacidade de poder cristalizar-se de várias mameiras diferentes.

Propriedades do enxofre

De acordo com cientistas o enxofre pose ser encontrado em compostos na forma de sulfatos ou sulfetos ou em estado livre na natureza. Em regiões onde há vulcões extintos foram encontrados armazenamento de enxofre livre, em suas crateras ou nas fissuras das lavas vulcânicas.

Os principais compostos do enxofre descritos pelos estudiosos são: sulfeto de zinco, sulfeto de chumbo, sulfeto de cobre,sulfeto de mercúrio, sulfeto de bário e o sulfeto de cálcio. Vale ressaltar que cerca de oitenta por cento do enxofre produzido em todo o planeta é gasto para a produção de ácido sulfúrico, cuja importância está no fato de poder ser utilizado nas indústrias para  fabricação de ácidos e sais minerais, fertilizantes, corantes e inseticidas entre outros.

Principais fontes do enxofre

Segundo especialistas o enxofre é um elemento químico que pode ser encontrado em estruturas vegetais e animais e também nos tecidos . Entre os alimentos  que apresentam enxofre destacam-se o alho,a cebola, mostarda e também ovos,vários tipos de óleos e nas proteínas que dependem dele,  ou ainda na forma de gases sulfurosos, nas águas naturais de várias fontes.

Atuação do enxofre no organismo humano

O enxofre está presente no organismo humano nas moléculas de proteínas e também nos íons de sulfato e sulfeto, e participa de várias funções biológicas no corpo, entre elas: Participa  da construção ou reparação celular  ou dos tecidos; da produção de colágeno que é uma substância essencial na formação dos ossos, pele e tecido conjuntivo; auxilia no processo metabólico de carboidratos e gorduras, atua na formação de alguns vitaminas bem como da produção do coágulo de sangue;

Auxilia na transferência de energia e também na formação das muco-proteínas e principalmente atua no combate aos parasitas e micróbios que atacam o corpo humano. Alguns tipos de aminoácidos contém enxofre que fazem ligações com outros elementos de muita importância para a formação estrutural das proteínas. Além disso, o enxofre  faz parte da constituição de alguns tipo de vitaminas, neutralizando os agentes tóxicos, auxiliando na produção de colágeno e ajudando na secreção da bílis.

Vale ressaltar que o enxofre orgânico ou o que está presente nos alimentos como alhos, cebola aspargos,queijos, gemas de ovos e pescados não é toxico ao organismo humano diferente do enxofre inorgânico que se consumido pode trazer prejuízos a saúde dos seres humanos. Os especialistas informam que o excesso de enxofre é eliminado do corpo das pessoas pela sua função renal através da urina, e sua ausência no organismo pode retardar o crescimento normal dos indivíduos.

Algumas curiosidades

O enxofre  foi descoberto desde os tempos antigos  e os alquimistas já naquela época sabiam  que era possível fazer uma combinação entre o mercúrio e o enxofre. Porém, foi somente  no fim do ano de 1770 que o cientista Lavoisire revelou ao mundo que o enxofre não era um composto e sim um elemento químico.

Por Salete Dias