Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Medicina natural e alimentação

A medicina natural também é conhecida como Naturopatia e sua essência é cuidar das pessoas e suas patologias através de tratamentos naturais a base de ervas e alimentos, dispensando o uso de medicamentos convencionais. Cada paciente recebe o tratamento adequado de acordo com seu problema, respeitando suas necessidades e exigências. A medicina natural foi utilizada pela primeira vez em 1895 e foi se tornando conhecida através dos anos. Hoje, é um método muito utilizado e admirado por boa parte da população que acredita no poder de cura dos recursos naturais, visando sempre uma qualidade de vida mais alternativa e saudável.

As principais diferenças da Naturopatia

  • O paciente é tratado por completo, respeitando sua totalidade e essência. Trata a pessoa completamente, atingindo o corpo, mente e alma, respeitando as emoções;
  • Os sintomas da patologia são tratados, no entanto, o profissional da medicina natural visa afetar a causa do problema antes de indicar o tratamento específico para os sintomas. Em muitos casos, quando o paciente consegue identificar a causa do problema, a cura pode ser alcançada de forma mais eficiente e rápida;
  • O corpo e a mente são tratados juntamente, pois a relação entre os dois pode causar diversos problemas, portanto a medicina natural visa relacionar as patologias do corpo com o estado da mente;
  • Ter uma boa alimentação, beber muita água, fazer exercícios físicos diariamente, não fumar e evitar o excesso de bebidas alcoólicas são algumas dicas de prevenção, porém a Naturopatia, além de seguir essas orientações, também utiliza como meio de prevenção as relações profissionais e pessoais, assim como o estado espiritual e físico de cada paciente, pois atende o ser humano de forma completa, afetando cada ponto de sua existência.

Vantagens

  • Os tratamentos utilizados pela medicina natural são menos agressivos, ajudando na melhora da condição de vida através de métodos naturais e saudáveis;
  • O paciente consegue adquirir um bem-estar geral, pois a Naturopatia se concentra não apenas nos sintomas e na doença, mas sim em todo o processo de causa;
  • As terapias utilizadas são concentradas na cura em geral do corpo e da mente, por isso são tão menos evasivas quanto possível.

Alimentação como terapia da medicina natural

A alimentação é uma das terapias utilizadas pela Naturopatia, inclusive o jejum terapêutico. A medicina natural ensina aos pacientes uma forma de reeducação alimentar, visando diversos benefícios para o corpo e para a mente. Esse método mostra que a pessoa não precisa deixa de comer o que gosta, porém ensina como manter uma alimentação mais adequada sem exageros, respeitando os próprios limites e necessidades. Sendo assim, geralmente, a medicina natural orienta o paciente a adquirir bons hábitos como:

  • Consumir cerca de 8 a 10 copos de água por dia. Algumas pessoas não possuem esse hábito, porém a água mantém o corpo e a mente da pessoa hidratada, proporcionando muitos benefícios, evitando diversas doenças. Por isso, beba muita água todos os dias;
  • Manter uma boa alimentação, evitando comidas industrializadas e gordurosas, principalmente os famosos fast-food;
  • Evitar consumir refrigerante, pois essa bebida prejudica a saúde humana. Sendo assim, substitua por sucos naturais de frutas;
  • Os doces podem ser consumidos de forma moderada, evitando o consumo diário.

Além de modificar a alimentação, para que o resultado seja completamente obtido, é fundamental praticar exercícios físicos e manter a mente saudável, evitando o estresse.

Por Danielle Pereira