Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Importância dos hábitos alimentares de gestantes

Muitos estudos científicos vêm sendo realizados ao longo dos anos com o objetivo de relacionar o comportamento alimentar das mulheres grávidas com a manutenção do bem-estar físico delas durante o período gestacional. A maioria dos pesquisadores chegou à conclusão de que os hábitos alimentares de gestantes são de vital importância nessa fase tão importante de suas vidas.

Pesquisas sobre alimentação e gestação

 Durante a realização dessas pesquisas que relacionavam a importância dos hábitos alimentares das gestantes com a manutenção de uma gravidez saudável, foram abordados alguns fatores de relevância que ajudaram a elucidar como a dieta que a gestante adota pode influenciar na formação do novo ser humano dentro de seu organismo.  Os pesquisadores  chegaram a algumas conclusões, como por exemplo, o consumo de determinados nutrientes, ingestão de alimentos ricos em fibras, ou o hábito de ingerir alimentos gordurosos podem estar relacionados a um bom ou mau período gestacional nas mulheres de uma maneira geral.

Outros aspectos de relevância para o estudo em questão, de acordo com os estudiosos foram a faixa etária em que a gestante se encontrava, grau de instrução acadêmica e condição socioeconômica. Os cientistas chegaram à conclusão de que a dieta da gestante contribui de forma decisiva para a manutenção de sua saúde e a do feto. Sendo assim, a importância da orientação à mulher nesta fase, por um profissional especializado é muito importante, principalmente em gravidez de alto risco ou quando há suspeita de que há algum déficit nutricional que possa vir a prejudicar futuramente o bebê.

Sugestões de bons hábitos alimentares na gestação

Ingerir um bom café da manhã – algumas mulheres em especial aquelas que são mais vaidosas ficam com receio de engordar muito durante o período gestacional, e por isso evitam se alimentar de forma adequada, temendo o excesso de peso corporal. No entanto, os especialistas da área advertem para o fato de que o café da manha é a primeira refeição do dia, e como tal, deve conter um alimentação balanceada composta de proteínas, vitaminas, carboidratos, e pouco alimentos  doces e gordurosos. Os médicos e nutricionistas advertem para o perigo de um jejum prolongado nessa fase e os riscos que esse hábito inadequado pode  trazer para a saúde do bebê.

Fracionamento da Alimentação – os especialistas orientam que o hábito alimentar ideal para a mulher grávida é aquele onde há o fracionamento das refeições, evitando desse modo, que a gestante fique muito tempo sem se alimentar, correndo o risco de provocar ou agravar ainda mais os sintomas de azia ou náusea. Se alimentar com comidas leves e balanceadas nos horários adequados é muito importante para a mulher manter uma gravidez saudável e sem riscos para o bebê.

Preferir alimentos nutritivos – foi comprovado através das pesquisas científicas que a ingestão de determinados nutrientes é de grande importância para o período de gestação e para o desenvolvimento normal do feto. Em virtude disso, seguir uma boa orientação alimentar com o consumo regular de alimentos ricos em ferro, ácido fólico e cálcio é imprescindível para que a gravidez transcorra sem nenhum problema. Alimentos como as verduras verdes escuras, os vegetais de uma maneira geral, queijo, leite, iogurte, brócolis, peixes, feijão cozido e couve crua, entre outros, devem ser consumidos pela gestante, caso ela não apresente nenhuma restrição a esses alimentos.

A ingestão do cálcio, por exemplo, é de fundamental importância para o feto, pois ele é um nutriente que está diretamente relacionado ao fortalecimento dos dentes e do esqueleto do bebê, além de atuar também ajudando a melhorar determinadas funções orgânicas como os batimentos do coração e a contração dos músculos. No caso da gestante, o cálcio exerce a função de regular a pressão arterial, evitando o risco de um quadro clínico de hipertensão.

Considerações Finais

As mulheres no período de gestação devem se alimentar de maneira adequada para garantir um bom desenvolvimento do feto e a certeza de uma gravidez sem problemas de saúde. Por isso é necessário que elas selecionem alimentos nutritivos e façam refeições balanceadas durante todo esse período. Alguns nutrientes como cálcio, ferro, e ácido fólico são essenciais para o desenvolvimento normal do feto, por isso devem ser consumidos regularmente pela gestante. Vale ressaltar que a orientação nutricional da mulher grávida deve ser realizada por profissionais especialistas na área de nutrição, pois eles estão habilitados a fazerem um planejamento alimentar adequado às condições físicas de cada gestante.

Por Salete Dias