Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Erros que pessoas cometem na alimentação

Todos nós sempre acreditamos que cuidamos da melhor forma possível de nossa alimentação… Será? Se você ainda pensa assim, então é uma boa ideia ler este artigo e conhecer alguns dos erros que mais cometemos em nosso dia-a-dia!

Erro #1. Não verificar os rótulos dos alimentos

Algumas pessoas até tentam, mas geralmente se restringem a verificar somente se os alimentos que compram encontram-se dentro do prazo de validade ou, quando estão em dieta, se os mesmos são ricos em gorduras e açúcares. Há muito mais informações úteis presentes nos rótulos e você deveria levá-las em consideração.

No caso de pessoas hipertensas, por exemplo, é importante verificar a presença de sal em sua composição. Já no caso de pessoas diabéticas, é necessário que se observe a presença de açúcar. E, claro, para quem deseja perder peso, não é somente a quantidade de gorduras e açúcares, mas também a quantidade de calorias e fibras que importa.

Erro #2. Consumir mais calorias do que você deveria

Outro erro cometido por muitas pessoas é quanto à quantidade de alimentos consumidos. Geralmente, consumimos muito mais calorias do que deveríamos – o que tem levado a população a tornar-se cada vez mais obesa. Infelizmente, esse péssimo hábito está se disseminando tão rapidamente que, em alguns países, encontrar pessoas acima do peso é mais comum do que encontrar pessoas dentro da faixa correta de peso (eutróficas).

É importante que você controle a quantidade de calorias consumidas diariamente. Se não souber como proceder, então é uma boa ideia consultar um nutricionista e pedir tal tipo de acompanhamento.

Erro #3. Não comer regularmente

As boas práticas de Nutrição nos pedem que realizemos cinco a seis refeições diárias, as três principais (café da manhã, almoço e jantar) e dois ou três lanches entre elas e antes de ir dormir. Pode parecer muito, mas ao contrário do que se pensa, fracionar sua alimentação diária desta forma ajuda muito mais a emagrecer e manter a saúde do que reduzir o número de refeições!

Há pessoas que simplesmente ignoram o café da manhã ou até mesmo o almoço – algo tão ruim que jamais deveria ser feito. O que elas não percebem é que, ao fazerem isso, acabam por consumir mais nos lanches ou nas outras refeições, não somente compensando a diferença calórica como também acumulando calorias e nutrientes em seu corpo para aqueles momentos em que não realiza suas refeições, o que pode acabar por engordá-las em vez de ajudar a emagrecer!

Erro #4. Não se exercitar

A prática de exercícios físicos interfere diretamente no seu metabolismo, de tal forma que, mesmo que não se trate de uma prática alimentar, é extremamente importante sua realização e observância devido ao impacto que esta pode ter sobre seu organismo.

Pessoas que praticam esportes, por exemplo, reduzem as chances de desenvolver doenças cardiovasculares ou outros tipos de doenças crônicas. Além disso, a prática de exercícios leva a uma maior sensação de bem-estar bem como pode ajudar a definir o seu corpo, melhorando sua imagem estética e, consequentemente, sua auto-estima.

Estes são somente três dos inúmeros erros cometidos por muitos dos que acreditam que não cometem erros em sua alimentação. Se você se identificou com algum deles, pode ser uma boa ideia começar a rever seus hábitos e atitudes e melhorá-los a fim de não os cometer mais!