Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Contaminação dos alimentos

A alimentação dos seres humanos é algo muito importante para a manutenção de um organismo saudável. Por isso os alimentos consumidos devem ser totalmente isentos de microrganismos patogênicos, que possam vir a causar algum tipo de enfermidade ao corpo dos indivíduos. No entanto, por incrível que ainda possa parecer, até os tempos atuais, os alimentos ainda continuam sendo contaminados sejam por bactérias , fungos ou até mesmo por agrotóxicos que  podem trazer grandes prejuízos a saúde das pessoas, provocando doenças às vezes bem difíceis de tratar.

Como ocorre a contaminação dos alimentos

De acordo com especialistas na área de saúde humana,  os alimentos podem ser contaminados por agentes patogênicos no local onde são produzidos ou através da própria manipulação das pessoas durante o seu preparo. Segundo estudiosos, vários microrganismos que por algum motivo contaminaram os alimentos que serão ingeridos pelos seres humanos, podem provocar as chamadas intoxicações alimentares, que são difíceis de serem detectadas em um primeiro momento pois o alimento não apresenta inicialmente qualquer mudança  em seus aspecto, sabor ou cheiro.

Somente quando a infecção já estiver  instalada no corpo é que o indivíduo passará a sentir os sintomas clínicos. Os pesquisadores descobriram nos alimentos contaminados os seguintes agentes capazes de provocar infeção no organismo dos indivíduos: bactérias, protozoários, vírus,fungos, vermes e toxinas provenientes dos micróbios que foram consumidos com a refeição.

Atenção especial às bactérias

Os estudiosos da área de infectologia ressaltam que as bactérias são os microrganismos patogênicos que mais provocam intoxicações nos alimentos consumidos pelos seres humanos. Existem algumas em especial que merecem destaque pelo grande número de doenças que podem provocar no organismo dos indivíduos, são elas: Salmonella sp. Clostridium prefringes, Listeria monocytogenes, E. coli, Campylobacter sp entre outras que são responsáveis por um dos sintomas clássicos das infecções por alimentos: a diarreia. A bactéria do gênero Clostridium causa um grave enfermidade no corpo humano que é chamada de  botulismo e é uma doença muito grave que afeta o sistema nervoso dos indivíduos e que se não for devidamente  tratada em tempo hábil, pode levar o paciente a óbito.

Cuidados no manuseio dos alimentos

A higiene é um dos fatores principais para aqueles que manuseiam os alimentos e querem evitar as possíveis contaminações pelos microrganismos causadores de doenças. Os especialistas advertem para o fato de que um manuseio inapropriado por parte da pessoa que está preparando o alimento é capaz de contaminá-lo. Daí a importância do armazenamento e preparação adequados para que os agentes infeciosos possam ser completamente eliminados.

Os profissionais da área informam que a grande maioria dos microrganismos causadores de infecção, podem ser eliminados se houver boas práticas de limpeza adotadas por quem vai manusear ou armazenar os produtos alimentícios. Alguns cuidados simples como por exemplo não reutilizar a mesma faca de um alimento para outro sem lavá-la, ou ainda vegetais ou carnes mal cozidos que não foram devidamente limpos podem conter vários agentes patrogênicos que causarão diversos tipos de doenças quando forem ingeridos pelos seres humanos. Por isso, é aconselhável higienizar sempre os equipamentos e utensílios que serão utilizados quando a pessoa for manusear os alimentos para preparar as refeições.

Sugestões para evitar contaminações nos alimentos

Algumas sugestões bem simples, mas que se forem seguidas a risca poderão trazer bons resultados, evitando a contaminação dos alimentos são:

-Quando a pessoa for preparar algum tipo de refeição deve higienizar bem as mãos na hora de manusear os alimentos que farão parte dos pratos que serão consumidos;

– Outro cuidado importante é limpar de maneira adequada os utensílios, objetos e equipamentos que serão utilizados para se fazer a comida;

– As verduras, legumes e frutas devem ser higienizados com água potável e em alguns casos é aconselhável que fiquem imersos para eliminação de microrganismos em uma solução de hipoclorito de sódio misturado a água.

– Os alimentos que já foram descongelados, não devem ser congelados novamente;

-Ovos  crus ou com  gema crua e carnes mal cozidas devem ser evitados;

-Muito cuidado ao consumir produtos de origem desconhecida em locais como barracas de praia, por exemplo.

Principais agentes que podem contaminar os alimentos

Dentre os principais agentes que podem contaminar os alimentos estão: o próprio homem, se manusear alimentos sem nenhum tipo de higiene, com mãos que não estejam limpas ou que apresentem lesões ou feridas na pele que possam entrar em contato com o alimento;

Alguns animais como gato, cães, pássaros, insetos, aves e roedores também podem transmitir micróbios aos alimentos e  os pescados de uma maneira geral, devem ser bem limpos antes de consumidos pois podem ser contaminados pelos microrganismos desde o armazenamento, estocagem e transporte, chegando a mesa do indivíduo impróprio para consumo.

Por Salete Dias