Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Alimentação para melhor funcionar o intestino

O bom funcionamento intestinal depende de uma série de fatores como nível de atividade física, alimentação, ingestão hídrica, fatores genéticos, entre outros aspectos. Manter o intestino funcionando corretamente é essencial para uma boa saúde, pois é muito importante que as impurezas não fiquem acumuladas no nosso organismo por muito tempo, como acontece com algumas pessoas que passam dias sem defecar.

A alimentação como também o estilo de vida saudável permite um melhor funcionamento do intestino. Para isso é preciso conhecer quais alimentos são considerados benéficos a saúde e quais aqueles que permitem uma aceleração no trânsito intestinal.

Alimentação para melhor funcionar o intestino

As fibras que estão presentes nas frutas, nos alimentos integrais, nas verduras e legumes, no feijão; são conhecidas por favorecerem um melhor funcionamento do intestino. É importante lembrar que a ingestão de água também deve aumentar tanto para possibilitar uma ação efetiva das fibras, como também para por si só, acelerar os movimentos peristálticos.

Alimentos como embutidos, condimentados, enlatados, alimentos que contém corantes, muito açúcar e muita gordura não fazem bem ao funcionamento intestinal. É importante evitar esses tipos de alimentos para manter um organismo saudável.

A prática regular de atividade física assim como também uma alimentação saudável, auxilia na forma como o intestino age na liberação das fezes. Praticar exercícios promove um aumento nos movimentos peristálticos fazendo com que o intestino funcione melhor.

Considerações finais

É perceptível que cada pessoa apresenta o seu próprio ritmo intestinal e como já dissemos, vários fatores colaboram para a construção da forma como o intestino funciona. Entretanto, o indivíduo enquanto agente promotor da sua saúde, deve procurar formas de melhorar esse funcionamento, independente dos fatores que sejam genéticos.

Uma alimentação rica em fibras, a ingestão adequada de água e a prática regular de atividades físicas são pontos essenciais para um bom funcionamento do intestino, aliado a isso alguns tipos de alimentos precisam ser evitados.