Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Alimentação na menopausa

A menopausa é um processo biológico que ocorre  na vida das mulheres entre os 40 e 60 anos de idade, esta fase caracteriza-se pelo fim do período fértil e consequente diminuição nas taxas hormonais, aliado a isso surgem alguns sintomas incomodos como a falta de ar, calores,  irritabilidade, insônia, cansaço enfim são muitos os sintomas que tornam a menopausa um processo temido pelas mulheres.

Além dos sintomas, irá ocorrer uma série de alterações no organismo da mulher. Em muitas mulheres o ganho de peso é favorecido, ocorre também uma descalcificação óssea que pode acarretar o surgimento da osteoporose e aumentar os riscos de fraturas ósseas; nesta fase pode-se observar também uma maior pré disposição a hipertensão, diabetes, colesterol alto e doenças cardiovasculares.

Com isso, mesmo antes do início da menopausa, inicia-se a procura por métodos para diminuir os efeitos dessas alterações fisiológicas no organsimo da mulher. Quase todas as consequencias desta fase podem ser  previnidas por meio de uma alimentação saudável que deve ser estabelecida desde de a infância durante toda vida do indivíduo.

Como diminuir os efeitos da menopausa no organismo?

  • Na alimentação, deve haver redução da ingestão de alimentos com alto teor de açúcares, gorduras e sal
  • O consumo de alimentos que sejam fontes de cálcio e vitamina D são de fundamental importância, deve-se dá preferência a leites desnatados e queijos magros. Estes alimentos não devem ser consumidos aliados a outros que contenham ferro, como carnes por exemplo, pois o ferro prejudica a absorção do cálcio.
  • A dieta deve conter alimentos que sejam fontes de magnésio: carnes, cereais, legumes de folha verde, amidos, leite e  frutos oleaginos.
  • Alimentos como frutas, verduras e legumes devem estar presentes todos os dias na dieta
  • A terapia de reposição hormonal, caso seja necessária, deve ser realizada sob supervisão médica, a partir das vantagens e desvantagens do tratamento
  • Alimentos que contenham vitamina C (goiaba, acerola, limão, laranja, manga, morango, pimentão) e vitamina E (soja, germe de trigo, nozes) devem fazer parte do cardápio
  • Aumente o consumo de água
  • Deve-se dá preferência a carnes magras e cereais integrais
  • Realize exercícios físicos regularmente
  • Inclua linhaça na alimentação, ela auxilia na redução dos sintomas da menopausa, fortalece o sistema imune, previne contra diversos tipos de câncer e contém ácidos graxos essenciais, vitaminas e minerais
  • O consumo da soja também é importante, ela contém isoflavonas que reduzem os sintomas da menopausa
  • Os exames de rotina devem ser realizados regularmente; a glicemia, o colesterol e a pressão arterial devem estar sob acompanhamento médico para que se possa evitar desagradáveis surpresas

A menopausa é uma fase que deve ser encarada com coragem pelas mulheres, estando estas  preparadas para administrar todas as consequencias trazidas por ela. A alimentação e os exercícios físicos são peças chaves nesta fase, através destes dois mecanismos muitas mulheres não apresentam sintomas da menopausa ou os tem bem atenuados. A busca pela qualidade de vida desde cedo, garante uma menopausa mais tranquila e uma vida mais saudável.