Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Intolerância a lactose

Você sabe o que é intolerância a lactose? Bem, acompanhe-nos em mais esta discussão. 😉

A importância do leite em nosso dia-a-dia

O leite é extremamente importante na alimentação. Especialmente em crianças, pois ele irá fornecer o cálcio que atuará na formação dos dentes e ossos além de evitar o raquitismo. Porém, quando crianças ou adultos apresentam a intolerância a lactose é necessário introduzir novos hábitos alimentares para que não se exclua o cálcio da dieta.
Mas, o que é a intolerância a lactose?

Intolerância a lactose é a incapacidade de ingerir de forma adequada a lactose presente nos alimentos, resultado da deficiência ou ausência da enzima lactase, presente geralmente no intestino.

Para digerir a lactose, o açúcar presente no leite e em seus derivados, é necessário a presença e o bom funcionamento da dessa enzima no organismo, sendo assim, a intolerância a lactose é caracterizada pela falta ou problema no funcionamento da mesma.
A manifestação da deficiência

A deficiência pode se manifestar de três formas :

  • Deficiência congênita da enzima – Neste caso, desde o nascimento a criança apresenta a ausência da lactase. Esse tipo de deficiência é rara, sendo que a criança logo a manifesta já que o leite,  primeiro alimento fornecido ao bebê, contém lactose;
  • Diminuição enzimática secundária a doenças intestinais – Ocorre em crianças que durante o primeiro ano de vida apresentam diarréias constantes, cujo quadro pode provocar danos nas células intestinais e consequentemente nas que produzem a lactase, sendo assim, faz-se necessário a reposição das células que foram lesadas, tornando essa deficiência passageira;
  • Deficiência primária ou ontogenética – Com o passar da idade, a produção da enzima lactase por um processo natural é reduzida, essa deficiência afeta boa parte da população e é a mais comum entre elas.

Sintomas da intolerância à lactose

A manifestação das reações referentes à deficiência de lactase depende da quantidade de leite ingerida. Algumas pessoas toleram uma maior quantidade de leite ou de outros produtos lácteos, em relação a outras. Os sintomas poderão aparecer minutos ou horas após a ingestão de leite ou seus derivados, a velocidade do aparecimento desses sintomas depende do peristaltismo intestinal. Dentre os principais sintomas ou consequências perceptíveis, podemos destacar:

  • Diarréia abundante
  • Desconfortos e dores abdominais
  • Náuseas e vômitos
  • Gases
  • Cólicas

Como se cuidar

A dieta de um indivíduo que apresente essa deficiência deve ser restrita de bolos, biscoitos, chocolates, leite de gado, sorvetes, queijos e tantas outras preparações que incluam o leite de vaca em sua constituição. Manter-se restrito das tentações alimentares como estas, é considerado para muitos um sacrifício, sendo assim, a indústria alimentícia já disponibiliza produtos como estes para os portadores da intolerância a lactose.

Diferença entre a intolerância a lactose e alergia ao leite

A alergia ao leite trata-se de reações alérgicas às proteínas do leite de vaca, ao contrário da intolerância a lactose que é uma limitação do organismo em digerir a lactose, que é o  açúcar do leite.

No caso de o indivíduo apresentar intolerância a lactose ou alergia ao leite, é importante que o mesmo busque outras fontes de cálcio já que a maioria são produtos lácteos. A recomendação nutricional são três porções diárias de alimentos ricos em cálcio, logo é importante mantê-lo na nossa dieta. Os queijos e leite são alimentos que possuem grandes quantidades desse mineral na sua constituição, no entanto, existe outros como peixes, espinafre, couve- manteiga, amêndoa, etc.

Referências bibliográficas

E-FAMILY NET, Intolerância à Lactose

DRA. SHIRLEY DE CAMPOS, Intolerância à Lactose e os Brasileiros

UNIFESP VIRTUAL, Intolerância à Lactose