Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Hipoglicemia

Hipoglicemia

Quando há uma redução dos níveis de glicose na corrente sanguínea dos indivíduos diz-se que houve uma hipoglicemia. Segundo especialistas a hipoglicemia é considerada um alteração secundária em reação a enfermidades ou então ao uso de medicação que a pessoa faz uso. O nível de glicose no sangue ou seja a glicemia normal quando o indivíduo está em jejum fica entre 60 a 99mg/dl.

Porém quando a glicose plasmática fica abaixo de 55mg/dl nos indivíduos do sexo masculino e 45mg/dl para pessoas do sexo feminino ocorre um quadro de hipoglicemia. Para que haja o diagnóstico exato de hipoglicemia é necessário que a taxa de glicemia considerada normal para os dois sexos esteja abaixo do parâmetro normal com sintomas relacionados ao quadro de hipoglicemia e quando administrado glicose na pessoa haja uma melhora desses sintomas.

Atuação do organismo no controle da glicemia

O aumento de glicose na corrente sanguínea dos indivíduos ocorre quando eles se alimentam e há o processo de digestão e absorção pelo organismo, que  a partir daí  produz o hormônio insulina em quantidades adequadas para que a glicose que está em excesso entre para o interior das células.

Quando há pessoa deixa de se alimentar por um longo período de tempo suas células corporais permanecem ingerindo a glicose do organismo e do sangue numa tentativa de evitar que a glicose sanguínea tenha uma queda muito grande em seus níveis e libera hormônios como o do crescimento, o hormônio glucagon, o cortisol e a adrenalina para que o nível de glicose seja aumentado.

A função principal desses hormônios liberados é ativar a glicose armazenada no fígado chamada glicogênio além de transformar em glicose outras substâncias como por exemplo as gorduras e as proteínas. Quando ocorre a hipoglicemia é porque houve uma queda dos hormônios que elevam a glicemia ou  um aumento na insulina sanguínea.

Principais causas da hipoglicemia

Os especialistas na área de saúde informam que a causa da hipoglicemia pode estar  relacionada a uma grande variedade de enfermidades ou complicações clínicas que variam conforme a faixa etária do indivíduo ou o período em que ela surge em seu organismo. Quando há hipoglicemia em virtude de um jejum prolongado as causas mais frequentes nesse caso são:

Utilização de medicações contra diabetes ou o uso de insulina, tumores que produzem insulina, ingestão excessiva de álcool, deficiência  de hormônios conhecidos como contra reguladores, insuficiência renal ou hepática, enfermidades decorrentes do acúmulo de glicogênio e casos de anorexia nervosa. No caso das hipoglicemias que ocorrem depois de refeições, ou seja quando não há jejum, a causa estaria associada a chamada hipoglicemia reativa que é aquela que ocorre após algumas cirurgias estomacais.

De acordo com especialistas a hipoglicemia é um problema relativamente comum em pacientes portadores de diabetes mesmo que estejam com a doença sob controle, sendo que nessa situação a hipoglicemia foi causada pelo uso dos medicamentos para reduzir a taxa de glicose, como os remédios que  servem como estimulante para a secreção de insulina pelo organismo humano através do pâncreas.

Sintomas e tratamento da hipoglicemia

Segundo especialistas  os principais sintomas da hipoglicemia são: tonturas, sensação de fraqueza, visão turva, pensamento lento, dores de cabeça, sensação de formigamento, fome, irritabilidade e dificuldade de concentração. Pode ocorrer em alguns casos mudanças de comportamento e até mesmo crises convulsivas  ou estado de coma. Esses sintomas são característicos da redução da glicose cerebral do indivíduo. Já os sintomas originados da produção de  adrenalina para aumentar a taxa de glicose são: tremores, palpitação e sudorese.

Vale ressaltar que esses sintomas são variáveis de acordo com a condição clínica da pessoa. O tratamento da hipoglicemia vai depender do problema que a originou. Por exemplo no caso da pessoa portadora de diabetes é necessário fazer um ajuste nas dosagens do medicamento ingerido e também uma reeducação alimentar; em casos onde os tumores foram a causa é necessário a intervenção cirúrgica para remoção do mesmo, em hipoglicemia decorrente de medicamentos  o tratamento é simplesmente a interrupção deles com administração e substituição por outros, e em casos de  hipoglicemia reativa é necessário uma reeducação alimentar onde haja uma diminuição na ingestão de carboidratos que são nutrientes rapidamente absorvidos pelo organismo.

De acordo com profissionais especializados na área a melhora do estado nutricional é conseguida em muitos casos com uma alimentação saudável e prática de atividades físicas evitando-se assim o uso de medicações.

Por Salete Dias