Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Importância da rotulagem nutricional dos alimentos

O comportamento alimentar de grande parte da população mundial vem sofrendo modificações ao longo dos anos em virtude de vários fatores, dentre eles a industrialização e consequente modernidade que fez com que as pessoas alterassem o estilo de vida em prol de uma rotina diária atribulada. Nesse cenário, a alimentação dos indivíduos tendeu a ficar prejudicada devido à falta de hábito, e principalmente ausência de tempo, para que eles pudessem escolher os alimentos que compusessem uma dieta equilibrada e adequada, com nutrientes saudáveis e essenciais à manutenção de um organismo saudável nos seres humanos.

Como consequência, o número de alimentos industrializados que faziam parte do consumo das pessoas teve um aumento significativo, resultando na ingestão de produtos processados de origem animal, além de farinhas e açúcares refinados, que devem estar devidamente rotulados no momento em que o consumidor vai adquiri-los. Mas afinal, qual será a importância da rotulagem nutricional dos alimentos, e como será que os fabricantes, autoridades governamentais e consumidores lidam com essa necessidade?

Importância da rotulagem nos alimentos

Como foi dito anteriormente, o consumo de alimentos industrializados e processados pela população mundial cresceu muito nos últimos anos em virtude da industrialização, que fez com que as pessoas, devido à falta de tempo, ficassem menos seletivas no momento de escolher que tipos de alimentos deveriam consumir. Como consequência imediata de uma dieta alimentar inadequada, composta basicamente de açúcares em detrimento da ingestão de frutas, legumes, verduras e cereais integrais, vem causando ao longo dos anos complicações na saúde dos consumidores.

Diversas pesquisas científicas comprovaram que o alto consumo de produtos processados ou industrializados estaria relacionado ao surgimento de doenças, como por exemplo, aumento da pressão arterial, diabetes, complicações vasculares, problemas cardíacos, obesidade entre outros. Diante dessa situação, as autoridades governamentais ligadas à saúde dos cidadãos, estabeleceram que a rotulagem nutricional devesse ser obrigatória para que o consumidor tivesse acesso à informação do produto que estava querendo adquirir.

Definição de rotulagem nutricional

Para que o leitor possa entender de modo mais completo esse tema, é necessário fazer uma definição clara sobre o que vem a ser uma rotulagem nutricional. Todo mecanismo que visa estabelecer uma comunicação entre os consumidores que precisam saber maiores informações sobre os produtos que estão comprando e as empresas que fabricam os alimentos industrializados pode ser definido como um processo de rotulagem.

As informações que os rótulos nos alimentos contêm, permitem aos indivíduos que desejam adquirir aquele produto à informação necessária para que possam optar por um ou outro alimento que seja mais adequado a uma dieta alimentar balanceada, reduzindo desse modo possível problema de saúde, como o surgimento de algumas enfermidades que são decorrentes dos maus hábitos alimentares das pessoas.

O rótulo que pode ser descrito como uma legenda, inscrição impressa ou gravada presentes nas embalagens dos produtos industrializados e deve conter não somente os índices de cada componente do alimento, como também, a maneira adequada de conservá-lo e prepará-lo para que todos os nutrientes nele contido possam ser aproveitados pelo organismo dos consumidores. É importante ressaltar que todas as informações contidas nos rótulos das embalagens dos produtos alimentícios devem ser direcionadas ao esclarecimento das dúvidas dos consumidores de maneira clara e verdadeira, quanto a qualidade, composição nutricional, prazo de validades e as características presentes na elaboração do alimento.

Cuidados na obtenção de produtos industrializados

Alguns especialistas nesta área de atuação informam alguns cuidados que os consumidores devem ter no momento de adquirir algum tipo de produto industrializado. Em primeiro lugar, o indivíduo deve prestar atenção às informações nutricionais contidas no rótulo da embalagem. Esta rotulagem nutricional além de conter os parâmetros de qualidade existente naquele alimento, deve conter também informações sobre a melhor maneira de armazenar o produto, pois isso é um caso de saúde alimentar.

Existe uma lei no código de defesa do consumidor artigo 6º da Lei nº 8078/90 que prevê a rotulagem do produto como um meio da população ter acesso a informações verdadeiras de maneira clara e objetiva sobre o que pretende adquirir.

Principais informações dos rótulos

Os especialistas relatam que segundo resolução do Ministério da Saúde as informações obrigatórias nos rótulos são: nome técnico do produto e denominação de venda do alimento; lista decrescente com os nomes dos ingredientes; identificação da origem; conteúdo líquido; prazo de validade; identificação do lote do alimento; instruções sobre o preparo e razão do social em caso de alimentos importados.

Por Salete Dias