Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite o nutriente, alimento, doença ou assunto que deseja saber:

Benefícios do alho e azeite de oliva

Alho e azeite de oliva são frequentemente usados em dietas de desintoxicação e limpeza do fígado, embora muitos profissionais de saúde duvidem da eficácia desses regimes. Felizmente, as pessoas não têm que ingerir grandes quantidades destas substâncias em uma desintoxicação para experimentar os benefícios do alho e do azeite de oliva.

Adicionando o alho e o azeite de oliva em uma dieta saudável, isso vai dar um aporte de nutrientes ao corpo humano que vão ajudar na saúde de uma forma geral.

Reivindicações de desintoxicação

Os defensores da desintoxicação do fígado e da vesícula biliar muitas vezes sugerem beber uma mistura de azeite, água de limão e alho para ajudar a melhorar a função hepática e limpar o fígado de toxinas.

Algumas variações deste tipo de dieta de higienização também podem pedir cidra de maçã orgânica, laxantes ou sais. A limpeza do fígado ou desintoxicação típica pode durar de três a sete dias e é essencialmente uma dieta líquida.

Os defensores desses regimes de limpeza do fígado e da vesícula biliar afirmam que esses produtos ajudam a retirar as pedras na vesícula e do fígado além de auxiliar na digestão e melhorar a saúde geral dos indivíduos que os consomem regularmente.

Crítica aos defensores da desintoxicação hepática

Alguns estudiosos advertem que essa desintoxicação em jejum pode ter consequências perigosas, podendo causar desequilíbrio eletrolítico, desidratação, perturbação da flora intestinal e alteração da função intestinal. Estes regimes, também são carentes de nutrientes essenciais, calorias e carboidratos.

Alguns nutricionistas dizem que as chamadas dietas de desintoxicação não são cientificamente comprovadas para remover as toxinas do seu corpo, e portanto, a pessoa não tem de sujeitar seu corpo a uma dieta de desintoxicação potencialmente perigosa para desfrutar dos benefícios do alho e azeite de oliva.

Como parte de uma dieta saudável, essas substâncias oferecem muitos benefícios comprovados, sem os riscos que vêm com as dietas de desintoxicação ou limpeza.

O alho contém poderosos antioxidantes que previnem danos às células, e ainda pode ajudar a fortalecer o sistema imunológico e prevenir doenças do coração e câncer. O azeite de oliva contém ácidos graxos monoinsaturados que são substâncias saudáveis para o coração, e apenas metade de um copo de limão fornece 90 % do valor diário recomendado de vitamina C.

O alho é bom para as pessoas?

O alho é um dos alimentos mais valiosos e versáteis do planeta. O alho pertence à família Allium de vegetais que também inclui cebola, cebolinha e alho-poró. Atualmente é um suplemento de saúde amplamente reconhecido.

Ele promove o bem-estar do coração e do sistema imunológico com propriedades antioxidantes e ajuda a manter a circulação saudável do sangue. Um dos benefícios mais potentes do alho para a saúde inclui a capacidade para aumentar a atividade das células imunológicas do corpo humano. Existem atualmente mais de 12 estudos publicados em todo o mundo que confirmam que o alho pode reduzir o colesterol.

No entanto, os especialistas observam que um estilo de vida saudável e uma boa alimentação é a melhor limpeza do fígado disponível. Se a pessoa estiver preocupada com sua saúde geral, deve considerar fazer mudanças a longo prazo que terão um efeito positivo sobre o seu corpo.

É recomendável incorporar o alho e o azeite de oliva em sua dieta de uma maneira sensata e saudável, e falar com um nutricionista sobre como seguir uma dieta que seja boa para o fígado, vesícula biliar e todo o seu corpo. Se a pessoa decidir ir em frente com uma desintoxicação do fígado, é necessário consultar um profissional de saúde para ter certeza de que é seguro para ela.

O azeite de oliva e o alho têm sido a base da alimentação mediterrânea – uma dos mais saudáveis do planeta – por séculos.
Os benefícios da vitamina C e dos vários nutrientes encontrados no alho também já foram comprovados. Mas, como a popularidade das dietas de desintoxicação do fígado continuam a crescer, há pouca evidência científica para apoiar as reivindicações que estão sendo feitas sobre a sua necessidade, e mais ainda, sobre sua eficácia.

Uma das variações mais recentes sobre este tema é o uso de alho e azeite de oliva para limpar o fígado. No entanto, é sempre bom lembrar que um especialista na área de saúde sempre deve ser consultado quando há problemas hepáticos ou digestivos nos indivíduos.

Por Salete Dias